A Página da Educação é uma revista semestral. Propriedade da PROFEDIÇÕES, Lda.

A Página da Educação está de parabéns!

A PÁGINA é um espaço de partilha e de reflexão sobre Educação e outros temas que fazem parte do quotidiano. É um ponto de encontro para educadores; um projeto que nasceu no seio deles, mas que tem abertura suficiente para chegar para lá do mundo académico e profissional. Já foi jornal, agora é revista e é para ser saboreada. Está de parabéns! Faz 25 anos!

PÁGINA, 15.02.2017 05h01

  
Edição nº 208


 

Assinar a Revista

Ser Assinante da Revista 

Dê apoio à existência desta revista. 

Seja nosso assinante


 Livros Coleção aPágina


NOVIDADES

 David Rodrigues

Ana Maria Vieira / Ricardo Vieira


a Página

Estatuto Editorial

Ficha Técnica

Lista de Colaboradores

Publicar na Revista a Página da Educação

Tabela de Publicidade


Organizações de Professores



Facebook

O Serviço Educativo do Teatro do Bolhão promove de 27 de Fevereiro a 1 de Março um workshop de Marionetas com Tommy Luther.

PÁGINA, 20.02.2017 05h08



Mais de 80 escritores de 13 nacionalidades vão passar pela 18ª edição do Correntes d'Escritas – Encontro de Escritores de Expressão Ibérica, que vai decorrer de 21 a 25 de Fevereiro, na Póvoa de Varzim.

PÁGINA, 15.02.2017 06h39



No ano letivo 2015/2016, houve 11.127 participações disciplinares em apenas 5,4% da totalidade dos agrupamentos e escolas em Portugal. Esta é a conclusão do estudo “Indisciplina em Portugal com dados das escolas”, da autoria de Alexandre Henrique, realizado em parceria com a Associação Nacional de Diretores de Agrupamentos e Escolas Públicas (ANDAEP), e divulgado pela agência Lusa.

PÁGINA, 07.02.2017 04h19



Prémio visa estimular a qualidade da investigação no domínio das Ciências da Educação.

PÁGINA, 02.02.2017 04h23



O Teatro do Bolhão apresenta, de 11 a 25 de fevereiro, “A Fada Oriana”, um espetáculo dirigido pela encenadora e coreógrafa Joana Providência, a partir do texto de Sophia de Mello Breyner.

PÁGINA, 07.02.2017 04h52



Depois da polémica criada pelas passagens de cariz sexual, o Plano Nacional de Leitura vai manter o romance de Valter Hugo Mãe apenas para o Ensino Secundário.

PÁGINA, 31.01.2017 05h10



A Escola Secundária Alexandre Herculano (Porto), que foi encerrada na passada quinta-feira porque chovia nas salas de aula, reabriu parcialmente esta terça-feira, depois de algumas reparações.

PÁGINA, 31.01.2017 04h34



A Casa-Museu Abel Salazar vai acolher a exposição “Andar nas Nuvens – duas propostas para um diálogo entre a terra e os céus”, de Manuel Valente Alves e Carla Cabanas. A mostra vai ficar patente até 20 de Maio.

PÁGINA, 24.01.2017 05h21



A Câmara Municipal do Porto vai entregar na quinta-feira, 19 de Janeiro, instrumentos musicais a 25 novos alunos do ensino articulado do 5º ano do Agrupamento de Escolas do Cerco, no âmbito do projeto Música para Todos.

PÁGINA, 17.01.2017 04h52



A nova proposta do Ministério da Educação para a vinculação extraordinária de professores prevê a redução para 12 anos do tempo mínimo de serviço e cinco contratos nos últimos seis anos, anunciaram os sindicatos, de acordo com a agência Lusa.

PÁGINA, 03.01.2017 04h47

  
David Rodrigues à PÁGINA 202

"Estamos no bom caminho. O que nos mostram os estudos transnacionais é que os bons sistemas educativos são aqueles que ao mesmo tempo são capazes de criar a excelência e também a equidade. Qualquer sistema educacional fraco ou insuficiente consegue criar excelência. É muito fácil criar bolsas de excelência. O que é realmente difícil é conseguir equidade, isto é, conseguir que as características e as circunstâncias de cada um dos alunos não originem o tratamento desigual em termos educativos." [Entrevista conduzida por Maria João Leite / Edição nº 202, série II - Inverno 2013]

PÁGINA, 08.02.2017 04h55



Manuel Jacinto Sarmento à PÁGINA 201

“Não há razões para termos saudade da Escola do passado. O que esta ideologia realmente pretende é afunilar as oportunidades escolares através da atualização de vias educativas. Esta é, de facto, a grande questão da reconstrução da Escola segundo o paradigma neoliberal – aqui, com orientações claramente cruzadas com orientações neoconservadoras. Há aqui uma aliança ideológica, digamos assim, que encontra frequentemente os mesmos protagonistas: por um lado, a privatização do serviço de acesso à educação e, por outro, o regresso à Escola das elites do passado e ao fosso dos processos de seletividade escolar.” [Entrevista conduzida por António Baldaia / Edição nº 201, série II - Outono 2013]

PÁGINA, 08.02.2017 04h49



António Pinho Vargas à PÁGINA 195

“Não haver um ministério, mas uma Secretaria de Estado da Cultura, é apenas uma desvalorização simbólica. Preocupo-me mais com a forma como se põem a funcionar os equipamentos culturais que pertencem ao Estado e como se considera a atribuição dos subsídios às pequenas instituições e aos grupos das diferentes áreas culturais, como o teatro ou o cinema. Os cortes que agora estão a ser executados vão pôr em causa muito trabalho cultural em todo o país”. [Entrevista conduzida por José Paulo Oliveira / Edição nº 195, série II - Inverno 2011]

PÁGINA, 08.02.2017 04h33



Teresa Maia Mendes à PÁGINA 193

“Eu não abdico de dizer que sou professora. Nunca abdiquei. Quando, em 74, a Segurança Social queria acabar com os professores e pôr todos como técnicos, porque ganhavam mais 100 paus, nós fizemos uma bulha desgraçada e dissemos que éramos professores, tínhamos uma profissão e não abdicávamos dela. Portanto, eu sempre me senti professora, e não admito que alguém diga que, porque se aposentou, deixou de ser professora – leva logo uma cartinha das minhas, a dizer: à senhora, ninguém lhe tirou o curso; é professora. Mas, neste momento, sinto-me mais sindicalista.” [Entrevista conduzida por António Baldaia / Edição nº 193, série II - Verão 2011]

PÁGINA, 08.02.2017 04h13

Contactos de correio electrónico
redaccao@apagina.pt | revista@apagina.pt | livros@profedicoes.pt

87 visitantes nos últimos 20 minutos