Página  >  Arquivo de Edições Anteriores  >  N.º 144  >  Filhos de pais separados correm risco maior de insucesso escolar

Filhos de pais separados correm risco maior de insucesso escolar

A FAMILIA

Os filhos de pais separados correm um risco maior de insucesso escolar do que aqueles cujos pais vivem uma relação estável, independentemente do estrato social a que pertencem, revela um estudo publicado na Dinamarca.
De acordo com a investigação, divulgada na revista 'Ugebrevet A4', 30,6 por cento dos filhos de famílias cujos pais se separaram abandonam a escola depois dos nove anos de escolaridade obrigatória, contra apenas 13,8 por cento dos filhos que crescem com pai e mãe.
Ainda segundo o estudo, a alta taxa de abandono escolar entre filhos de pais separados deve-se, em grande parte, ao facto de eles mudarem de residência e terem de se habituar a contextos diferentes com mais frequência.
Quarenta por cento das crianças dinamarquesas enfrentam a separação dos pais pelo menos uma vez na vida e 12,5 por cento repetem essa experiência.
O estudo acompanhou os agregados familiares daquele país entre 1981 e 2001.


  
Ficha do Artigo
Imprimir Abrir como PDF

Edição:

N.º 144
Ano 14, Abril 2005

Autoria:

AFP
Agence France-Presse
AFP
Agence France-Presse

Partilhar nas redes sociais:

|


Publicidade


Voltar ao Topo