Página  >  Arquivo de Edições Anteriores  >  N.º 133  >  Vinte milhões de mulheres infectadas com o vírus da SIDA no mundo

Vinte milhões de mulheres infectadas com o vírus da SIDA no mundo

SIDA

Vinte milhões de mulheres estão infectadas com o vírus da SIDA a nível mundial, o que representa 50% da população contaminada, declarou recentemente em Viena Monica Berg, representante do departamento sobre SIDA da delegação da ONU contra a droga e o crime (UNODC). "Há 20 anos, a infecção era rara entre as mulheres", comentou Berg durante um debate organizado pelo departamento de informação da ONU, sediado em Viena.
"Para as mulheres, a probabilidade de transmissão do vírus da SIDA durante uma relação sexual sem protecção é duas vezes superior à dos homens, pelo que elas continuam a depender da cooperação masculina para se proteger do vírus HIV", explicou Berg.
"As investigações mostram que o acesso à educação representa um factor acrescido de protecção" mas "durante a última década a escolarização das mulheres diminuiu em muitos dos países mais seriamente ameaçados pela SIDA, o que não augura boas perspectivas para o futuro?.


  
Ficha do Artigo
Imprimir Abrir como PDF

Edição:

N.º 133
Ano 13, Abril 2004

Autoria:

AFP
Agence France-Presse
AFP
Agence France-Presse

Partilhar nas redes sociais:

|


Publicidade


Voltar ao Topo